quarta-feira, janeiro 11, 2017

Cores - Azul, Blue, Blau


L.Goddard 1920, art deco egyptian

No Egito antigo homens e mulheres eram representados pelo azul. O espírito feminino no azul das águas e o masculino no azul dos céus.
É uma cor de muitos significados:
- Símbolo de fidelidade. Noivas inglesas usam anéis  de safira, fitas azuis no vestido e flores azuis no bouquet.
- Pode ser símbolo de tristeza."Sentimento azul".Navios hasteavam bandeiras azuis quando perdiam seu capitão.


- A flor azul significou romantismo alemão no século XIX e "ser azul" era ser bebído.
- Para o povo mapuche  e para os astecas tinha conotação espiritual.
- Na antiga Grécia manto azul representava divindade e no antigo Egito sabedoria e temperança.
- Em cromoterapia diminui a pressão sanguínea e a circulação. Acalma e retarda o metabolismo.Luz azul está associada com saúde cura e tranquilidade.
- Na heráldica simboliza piedade e sinceridade.
- Para argentinos  "dolar blue" se refere a cotação desta moeda.
- No entendimento dos franceses  "les blues" são os novatos. Aqui são verdes....hehehehe
- Para o alemão "blau" é borracho.
- Em inglês australiano significa uma discussão.


- Nos USA "blue people" são os operários.
- Se em japonês significa "jovem" em inglês "to be blue" é estar triste.
- Sangue azul é nobreza.
- Águas e céus azuis indicam pureza.
- Na decoração o azul propicia tranquilidade e favorece o exercício intelectual.estimula a criatividade mas em excesso traz sonolência.
- Pelo zodíaco é cor de Libra, Sagitário, Aquario e Peixes.
- Não é relacionada com alimentos, na publicidade, pois suprime o apetite.


Enfim é  cor primária,  laranja sua secundária,  e das  cores a mais fria, entre violetas e verdes.
No espectro visível o comprimento de onda gama é  440-490 nm.

Pigmentos



Registros arqueológicos indicam que azurite foi o primeiro mineral conhecido por fornecer pigmento azul.
Egípcios  fizeram um pigmento famoso, conhecido como azul egípcio, porém a  receita se perdeu.


Azurite cristallisée - Chine

Assim azurite e ultramarine do afganistão foram os únicos pigmentos conhecidos e usados na Iade Média.
De vidro azul moído, no século XV obteve-se um pigmento chamado Smalt.
Na Idade Moderna usou-se Azul da Prússia ( sintético), Azul Cobalto ( instável) e Azul cerúleo (caro).




Cerulean, azul da prússia e ultramarino

Felizmente, em 1826 , Guimet produziu um pigmento,  ultramarine,  que barateou e facilitou o uso de azul na produção artística.


Klein Blue

Em 1961 Yves Klein lançou uma coleção monocromática  com seu próprio azul sintetizado. Klein Blue era seu azul perfeito e a visão do infinito.
Nas suas palavras este azul era
"Janela aberta para a liberdade como a possibilidade de estar imerso na imensurável existência da cor"


Gravura original em : Guia Completa de Materiales y Técnicas

Existe uma tendência cromática nos azuis que pode se expressar no quanto eles se inclinam para o verde ou para o vermelho

Código dos Pigmentos Azuis

PB29 - azul Ultramar
PB27 - Azul da prussia
PB28 - Azul Cobalto
PB74 - Azul Cobalto Escuro
PB36 - Azul de Cobalto Turquesa
PB15 - Azul Ftalo
PB17 - Azul Ftalo Ciano
PB35 e PB36 - Azul Cerúleo

Vídeo: A Story Of Blue



Referências e imagens:
- Wikipedia
- Sinopia Pigments
- WebExhibits - Douma, Michael, curator. Pigments through the Ages. 2008. Institute for Dynamic Educational Development
- Artis Creation - The Color of Art
- Blau Pigmente - Marco Almbauer - Eigenes Werk
- Lapis Lazuli - Anónimo (Roman Empire) - Museo Walters: Home page Info about artwork
- Colourlex
- Vivianite:https://www.youtube.com/watch?v=Ww2QRpSG4fA

Nenhum comentário:

Postar um comentário